Pages Navigation Menu

Período de orçamentos e projetos: P.E. Labellers planeja as feiras de 2018

Posted by on 12 de December de 2017 in Feiras | 0 comments

Quando dezembro chega com os aromas doces das festas, é hora de orçamentos para o ano passado e projetos para o futuro. Para nós, 2017 foi um ano cheio de eventos, compromissos e muitas satisfações que trouxeram importantes prêmios para a empresa. Com esse entusiasmo, estamos nos preparando para as feiras de 2018. Começaremos com a Saudi Print & Pack em Jeddah na Arábia Saudita, o evento dedicado a máquinas de impressão e pré-impressão de 22 a 24 de janeiro. Em seguida, continuaremos com Propak East Africa, onde estaremos de 27 de fevereiro a 1 de março. Também em março, Propak um evento para a promoção de embalagens e materiais, vai para o Vietnã de 20 para 23. Em abril, será um mês muito ocupado: começaremos com Djazagro em Argel de 9 a 12, uma feira focada no processamento...

Read More

A fórmula “menos é mais” aplicada aos cosméticos

Posted by on 05 de December de 2017 in No food | 0 comments

O que têm a mais os produtos naturais certificados Quais elementos devem ou não devem haver um cosmético para ser considerado “eco”? E quais são as mensagens indicadas no rótulo para reconhecê-lo? O mercado de cremes, sabões, detergentes, tônicos está em crescimento rápido e constante. E com isso aumenta a atenção para a certificação que garante a qualidade ou, pelo menos, a segurança da saúde. Em primeiro lugar, é importante ressaltar que os produtos considerados ecológicos não devem haver, em sua fórmula, pesticidas, corantes artificiais, matérias-primas de origem animal ou transgênicas. O número de princípios ativos é limitado e as plantas devem crescer em ambiente protegido contra contaminações ou substâncias nocivas que possam contaminá-los. Nos rótulos, podemos encontrar os símbolos “kosher”, “no nickel” e “sem glúten” e em verde estão indicados “vegan”, “orgânico” e “halal”. Os cosméticos Kosher, por...

Read More

Os americanos reivindicam a transparência nas etiquetas de alimentos

Posted by on 28 de November de 2017 in Food | 0 comments

Oito em cada dez consumidores querem a entrada imediata da lei em vigor A Food and drug administration introduziu recentemente novos padrões que envolvem a mudança radical nas tabelas nutricionais para produtos alimentícios vendidos nos Estados Unidos. Os rótulos devem incluir: a indicação de calorias em caracteres muito grandes e na parte frontal das embalagens, o conteúdo de açúcares adicionados e a porcentagem nutricional do produto representada pelo produto em relação à quantidade diária recomendada, a indicação das porções contidas na embalagem e na quantidade média de uma única porção, a indicação de sais minerais e vitaminas não em porcentagem, mas em peso, e, por fim, todas as indicações devem estar relacionadas aos valores oficiais da dose diária. Para garantir que todas as empresas, incluindo as menores, possam se adaptar às mudanças, a FDA propôs um período de adequação...

Read More

Foram reveladas as três taças do Guia vinhos da Itália 2018 de Gambero Rosso

Posted by on 21 de November de 2017 in Beverage | 0 comments

Foram premiados os melhores rótulos da península e atribuídos reconhecimentos “especiais” Foi apresentada nos últimos dias a nova edição do Guia dos vinhos da Itália 2018 de Gambero Rosso que premia os melhores rótulos e as melhores empresas da península. Como bem se sabe, o momento mais esperado é a atribuição das “Três taças” como garantia de excelência produtiva. O guia analisa 252 mil vinhos e 2485 empresas e, neste ano, 436 vinhos conseguiram obter o máximo reconhecimento. Em 2018, o título de “adega do ano” foi vencido pela empresa do Vêneto Masi, da família Boscaini. Stefano Amerighi é o “viticultor do ano” enquanto a “adega emergente” escolhida é a do grupo calabrês Spiriti Ebbri. O mundo green e bio ganha cada vez mais espaço e aumenta o número das Três Taças Verdes – que chegam a 99 –...

Read More

É obrigatória a origem no rótulo para os derivados de tomate

Posted by on 14 de November de 2017 in Food | 0 comments

As medidas estabelecidas no decreto introduzem a experimentação durante dois anos Foi assinada a deliberação interministerial pelo ministro da Política agrícola Maurizio Martina e pelo ministro do desenvolvimento econômico Carlo Calenda para introduzir a obrigação de indicação de origem dos derivados de tomate. A partir de hoje deverá ser indicado onde é cultivado e transformado. A novidade esperada foi anunciada no fórum de Coldiretti em Cernobbio. Proibições e obrigações rigorosas são deste modo impostas pelo Governo contra o tomate estrangeiro. Concentrados e molhos que tenham menos de 50% de tomate devem obrigatoriamente indicar no rótulo as devidas indicações de proveniência e elaboração. Se estas fases são realizadas no território de vários países podem ser usadas, conforme a proveniência, as seguintes escritas: Países Ue, Países não Ue, Países Ue e não Ue. Apenas se todos os processamentos foram realizados em...

Read More
Página 1 de 9123...Last »